Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Os recentes resultados eleitorais do Bloco de Esquerda são muitas vezes associados à sua liderança. Um acto de personalização da figura do líder.

Catarina Martins parece assim ter conquistado muitos eleitores por ser mulher. Suportada em muitas frentes por um autentico batalhão delas, como as irmãs Mortágua ou mesmo a eurodeputada Marisa Matias, o fenómeno pode mesmo estar a produzir este efeito de crescimento e consolidação da base eleitoral do partido.

Mas estará mesmo? Estará a candidatura de Assunção Cristas, no CDS, alicerçada nesta escondida crença que as mulheres à frente dos partidos fazem-nos crescer? A priori não.

image.jpg

 

Podemos dizer que a Mariana é simpática, que é mulher, que é bonita, que é….. inegavelmente ela é uma pessoa com valor e inteligente. O seu percurso académico na área da economia são espelho disso. Ainda que em suspenso agora, ela é doutoranda na School of Oriental and African Studies da Universidade de Londres. E isso oferece-lhe uma preparação tremenda. Ponto. O mesmo acontece nos outros partidos de um modo geral e dá mau resultado quando a escolha é meramente estética. O CDS tem em Cecília Meireles uma destas mulheres que conciliam qualidades. Contudo, aliado à sua juventude é inegável a sua preparação e curriculum académico. A Cecília foi aluna de uma das melhores escolas de negócios do mundo. Detentora de um master in business administration pela Porto Business School. Um forte investimento em si próprio e na sua formação. E confesso que admiro pessoas destas. Desengane-se por exemplo que Isabel Moreira está na política por ser filha de Adriano Moreira. Pode ter-lhe dado alguma vantagem mas aumentou-lhe a responsabilidade. Contudo os seus reconhecidos méritos na área do direito constitucional tem-lhe merecido a confiança do partido, bem como algumas das causas em que se envolve. Caso para dizer que estas mulheres somam, dificilmente subtraem.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2016
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ